quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Talves o que eu precise seja apenas de um novo porre e uma boa ressaca'

| |


'Eu preciso apenas sair. Ir para a rua, ver pessoas novas, e me afastar desse mundinho fútil em que ando passando meus últimos dias. Eu quero mesmo é correr e me abrigar em algum lugar na qual eu tenha certeza que nada vai me abalar. Não ache que eu estou querendo fugir desse meu mundo. Não. Fui eu que o criei, uma hora ou outra vou ter que enfrentar ele. Vou ter que dar de cara com ele. Mas dexa o tempo passar e tudo se ajustar. Não é a hora nem o momento de fazer qualquer coisa. Você pode até pensar que eu estou com medo. Talvez seja mesmo. O que eu faço da minha vida diz respeito só a mim. E esse é o maior problema. Porque ce tudo acabar pra mim, os outros não terão nada a ver. Talves o que eu precise mesmo seja tomar um porre. Falar coisas idiotas, derrubar bebida no chão, rir alto com os amigos, chegar tarde em casa, levar altos tombos no caminhos. . . e acordar no outro dia com a cabeça doendo e com hematomas pelo corpo. Sinais de uma noite bem vivida. Hoje eu vou sair, vou me divertir. Esquecer de tudo que vem por ai. Hoje eu quero que o mundo pare e veja eu passar. Talves eu não tenha mais vontade de fazer isso nos próximos dias.'

0 comentários:

Ir arriba

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Escrevo pra não falar sozinho. - Cazuza https://twitter.com/_alemdosofa
Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email

Guia

Seguidores

Visitantes

contador
 
 

Diseñado por: Compartidísimo
Con imágenes de: Scrappingmar©

 
Ir Arriba