segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Uma praça de Soria.

| |

E tudo que eu via retratava o amor, em todas as suas variadas formas, mas todas elas fincavam o amor. Os livros por mais fictícios que fossem tinham um romance por trás, os filmes, as música, tudo. Ninguém cansava de falar disso, e era tanto discurso que ninguém conseguia dizer o que realmente era, generalizavam tão banalmente que esse amor em sua maioria durava apenas horas. Mas quem sou eu para dizer o que ou não isso, li uma vez em um livro que a personagem principal vivia de amores, e certa vez conheceu um rapaz e o amou intensamente, pois sabia que iria tê-lo apenas no fim de semana, pois logo retornaria para casa. Aquele instante entre eles era único e intenso, e ninguém pode dizer que não era amor. Meu cachorro quando pula em mim quando chego em casa de noite expressa um amor tão grande que não consigo dormir se não derruba-lo ao chão e brincar com ele. Os amigos sempre tão avoados, que por mais preocupados que sejam nunca escutam as histórias até o final, mas que são a mais pura forma de amor, aquela única que a gente escolhe, e que conseguimos cultivar por anos e anos, mesmo com brigas, discussões e tudo mais, tudo se recompõe, mas apenas o reais amigos. E aquele amor, aquele mesmo, ah. . . . aquele amor, aquele que te deixa entorpecido e que nunca pode ser escolhido, não se escolhe um alguém para amar assim, e não se escolhe em que frequência amar. Aquele frio na barriga quando o telefone toca e você deseja que seja esse amor, ou quando você escolhe uma roupa para impressionar esse amor. Aquele lanche divido com o amor, que consegue ser melhor que qualquer lanche inteiro. Ah esse amor. . . .  a gente espera que seja doce, que invada e transborde luz, que inunde todo o ambiente, que de sentido aos livros e as músicas, que a gente espera que dure anos e anos . . .  mas que nem sempre é assim. Ah, se eu encontrasse esse amor. 


0 comentários:

Ir arriba

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Escrevo pra não falar sozinho. - Cazuza https://twitter.com/_alemdosofa
Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email

Guia

Seguidores

Visitantes

contador
 
 

Diseñado por: Compartidísimo
Con imágenes de: Scrappingmar©

 
Ir Arriba