segunda-feira, 10 de maio de 2010

O folhear de um livro de poemas'

| |


- Certas coisas acontecem por acontecer. Hoje posso ver que são poucos o que me restam, consigo ver quem é verdadeiro. Esse fds vi uma coisa que talvez possa estar errada, mas é o que eu vi. Eu pude ver um amor completamente sincero. As duas pessoas conseguir se amar só de se olharem. E explodia alegria no ar. Um ambiente mais do que agradável. Eu pude então pensar em abrir a janela e olhar para fora. Pense, como pode existir um lugar onde as pessoas se odeiam, onde tudo é futilidade, onde ser popular é a motivação de todos, onde todos saem a noite para poder aparecer e beber cada vez mais, onde beijos são apenas uma soma, onde no final da noite se conta quem beijou mais. Seria tão mais fácil se existisse mais amor de verdade. Talvez uma ilusão minha, mas tudo bem, sonhar não faz mal. E só preciso não se perder nos sonhos e infelizmente voltar sempre a realidade.

0 comentários:

Ir arriba

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Escrevo pra não falar sozinho. - Cazuza https://twitter.com/_alemdosofa
Ocorreu um erro neste gadget

Follow by Email

Guia

Seguidores

Visitantes

contador
 
 

Diseñado por: Compartidísimo
Con imágenes de: Scrappingmar©

 
Ir Arriba